Recarga com cartão de crédito – Por que não oferecer recarga com cartão de crédito em sua loja

1
Como vender recarga?

Recarga com cartão de crédito – Por que não oferecer recarga com cartão de crédito em sua loja

Recarga com cartão de crédito – Os celulares pré-pagos e de consumo controlado funcionam com a inserção de créditos para a realização de chamadas. E esse pode ser um grande filão para os lojistas e donos de estabelecimentos comerciais físicos, já que uma considerável quantidade de usuários da telefonia móvel opta por esse sistema de crédito previamente pago. É significativo também o número de pessoas que, quando vai fazer a recarga, costuma comprar outros produtos comercializados pela loja, o que aumenta as vendas do comerciante e atrai nova clientela.

Porém, alguns consumidores teimam em querer pagar pela recarga usando cartões de crédito, o que pode ser um transtorno para o lojista. Quer saber o porquê? Então confira agora mesmo o nosso post e entenda os motivos por que os estabelecimentos preferem não oferecer recarga com cartão de crédito:

A taxa cobrada às vezes supera a comissão repassada na recarga

A principal ideia ao oferecer esse serviço de recarga na sua loja é que ele seja complementar às vendas que normalmente já realiza, aumentando um pouco sua renda e o fluxo de pessoas no lugar, não é mesmo?

Mas o que ocorre é que as administradoras de cartões de crédito arrecadam significativos percentuais sobre toda e qualquer venda quitada por esse meio de pagamento. Como o preço de recarga não costuma ser muito elevado — o que é, na verdade, um chamariz para os clientes —, as respectivas comissões também não são tão vultosas. Assim, o lojista poderia vir a ter até um certo prejuízo ao verificar a diferença entre o que teria a receber pelas recargas e o que teria que repassar para a administradora.

Vale lembrar que as operadoras de cartão de crédito costumam demorar em torno de um mês para repassar o total devido ao comerciante. Tempo precioso para quem está com as contas a vencer, não concorda? Já com as recargas à vista, a lojista acaba ganhando bastante em relação ao maior volume de vendas.

Os cartões de crédito podem apresentar problemas de segurança

Aceitar o recebimento do pagamento das recarga com cartão de crédito significa ampliar ainda mais as chances de deixar de receber o dinheiro referente às transações, uma vez que se pode, por exemplo, estar lidando com cartões clonados ou falsificados, sem se ter a mínima noção.

Além disso, por uma plataforma de recarga on-line, não é preciso colocar os dados do cliente a cada transação realizada, atalho que acaba o protegendo, ao evitar que informações venham a ser capturadas por hackers ou outros usuários mal intencionados de plantão na rede.

Os melhores sistemas nem permitem recarga com cartão de crédito

Especialmente com o foco na segurança financeira de quem oferece as recargas no mercado, algumas máquinas e sistemas on-line de venda de créditos aos usuários nem mesmo admitem o pagamento do serviço por cartão de crédito. Trata-se de uma forma mais confiável de lidar com as transações de depósitos, que normalmente são feitos à vista, em dinheiro, ou por meio de boletos bancários. Dessa forma, a transferência de créditos é liberada para o aparelho no mesmo instante em que o pagamento é confirmado. Super simples e prático!

A maioria das pessoas costuma pagar a recarga à vista, não só porque é um valor mais acessível, mas também pela praticidade e rapidez no pagamento. Portanto, não se preocupe: você não irá perder clientes se oferecer somente o recebimento em dinheiro!

Agora comente aqui e nos conte: você já pensou em implantar um sistema de recarga de celulares pré-pagos em seu estabelecimento? Ou já acrescentou essa facilidade na sua loja? Quais tipos de pagamento aceita na compra desse serviço? Compartilhe suas impressões e experiências conosco!

maquina de recarga de celular

como vender recarga e ter uma maquina de recarga de celular

Compartilhar.

1 comentário

Deixe o seu comentário